decorational arrow Glicemia | 3 min. leitura

Como monitorizar o açúcar no sangue

Como já tivemos oportunidade de ver, o açúcar no sangue varia ao longo do tempo devido a vários fatores. A monitorização dos seus níveis de açúcar no sangue pode ajudá-lo a controlar a reação do corpo aos alimentos, ao exercício físico e à medicação e a perceber como está a sua diabetes.

Quando deve monitorizar?

Poderá não ter de monitorizar o açúcar no sangue nas fases iniciais da diabetes tipo 2. O profissional de saúde que o acompanha pode recomendar que faça a monitorização quando iniciar tratamentos que podem levar a níveis baixos de açúcar no sangue. As verificações do açúcar no sangue podem ser feitas em qualquer lugar. Pica o dedo e testa uma gota de sangue utilizando um dispositivo chamado glucómetro. O seu profissional de saúde irá dizer-lhe quando e com que frequência precisa de verificar o açúcar no sangue. Os seguintes termos são utilizados para descrever as medições de glicose efetuadas em diferentes alturas do dia:

Jejum

Verificar de manhã, antes do pequeno-almoço, quando o açúcar no sangue está no nível mais baixo

Antes da refeição

Verificar antes de uma refeição para ver como os níveis se alteram

Após a refeição

Verificar duas horas após uma refeição, quando o açúcar no sangue atinge um máximo

Tenha em atenção que a medição de açúcar no sangue que realiza a si próprio não é o mesmo que o teste HbA1c realizado por um profissional de saúde e os resultados não podem ser comparados.

Os intervalos médios de açúcar no sangue para pessoas com e sem diabetes tipo 2 podem ser observados de seguida.

Registar o seu nível de açúcar no sangue

Verificar o seu nível de açúcar no sangue dá-lhe uma imagem dos seus níveis num momento específico. Registar estas medições irá mostrar-lhe o seu progresso ao longo do tempo.

Registar com exatidão o seu nível de açúcar no sangue – bem como o que come, quando faz exercício e fatores emocionais como o stress – irá identificar as causas de picos e quedas invulgares do seu açúcar no sangue. Isto irá ajudá-lo a melhorar a gestão da diabetes e evitar complicações a longo prazo para a sua saúde.

 

"Não sou muito boa naquilo que toca a números mas garanto que dou o meu melhor."

-Eva Deigaard Lepri vive com diabetes tipo 2

Dicas para monitorizar o seu nível de açúcar no sangue

  • Defina uma rotina: Teste e registe todos os dias, sempre à mesma hora, e mantenha os seus registos num local adequado.
  • Registe imediatamente: Não adie pensado que se vai lembrar dos resultados mais tarde – provavelmente não vai!
  • Seja honesto: Registe tudo o que o seu profissional de saúde lhe pede: snacks, bebidas, hidratos de carbono e o exercício que faz. Um registo rigoroso do seu progresso irá ajudá-lo a evitar complicações de saúde.
  • Mantenha-se vigilante: Aprenda a detetar tendências, como níveis elevados de açúcar no sangue após refeições com muitos hidratos de carbono ou níveis reduzidos após atividade física.
  • Continue a aprender: o nível de açúcar no sangue – é uma oportunidade para aprender sobre os fatores que têm impacto no controlo dos seus níveis de açúcar e como pode geri-los melhor no futuro.

Existem muitas ferramentas disponíveis para o ajudar a registar as suas medições, incluindo diários e aplicações para telemóveis. Fale com o seu profissional de saúde sobre o que é adequado para si. Também pode visitar a nossa  Secção de apoio para outras dicas e ferramentas para gerir a sua diabetes.

Artigos relacionados

O dia-a-dia da Diabetes
decorational arrow Estilo de vida | 6 min. leitura

O dia-a-dia da Diabetes

Uma boa gestão da diabetes requer consciencialização e planeamento cuidadoso para todos os tipos de ambientes e situações.

Alimentação e diabetes tipo 2
decorational arrow Estilo de vida | 2 min. leitura

Alimentação e diabetes tipo 2

Uma dieta saudável é uma ferramenta poderosa para gerir a diabetes tipo 2, ajudando-o a controlar e a melhorar o bem-estar geral.